Km 380 – Primeira média de consumo

Primeiro tanque chegou ao fim com 340 km, deve ter sobrado cerca de 4 litros quando fui abastecer, pois desta vez o valor do abastecimento deu R$ 94,00 / 2,70 (preço da gasosa)  = 34 litros abastecidos.

A minha média é rodar com ele cerca de 60 km todo dia útil da semana, pois trabalho na cidade vizinha, ou seja estrada praticamente todo dia pro menino.

Isso é bom, pois  o carro tende a se desgastar menos, em relação a se estivesse oriundo aos buracos e para/anda da cidade.

Fiz o calculo de gastos do carro, não está exato ainda, mas acho que já é a primeira média oficial que tenho sem ter que confiar em vendedor ou site falando da marca, afinal agora a experiência é real.

Se abasteci R$ 85,00 e andei cerca 300 km, cada litro gasto rodou quase 9,7 km.

Não é oficial, pois irei refazer esse calculo inumeras vezes ainda, porém na pior das hipoteses, mesmo que eu tenha errado feio está bem longe dos 15 a 17km/litro que me foi informado através de sites…

Bom, a favor do meu Lifan tenho a dizer que andei quase todo o tempo com o ar-condicionado ligado na potencia 2, vou esperar amenizar o calor para fazer o teste sem o ar ligado.

Em relação a média de velocidade, fica em torno de 100 km/h, quase nunca acima disso, giro do motor sempre em torno dos 3 mil.


7 Comentários on “Km 380 – Primeira média de consumo”

  1. Good day! I simply would like to offer you a big thumbs up for the excellent information you’ve got here on this post. I’ll be coming back to your
    site for more soon.

  2. Ali disse:

    Olá
    No primeiro abastecimento,o meu 320 fez 7,5 KM/L
    Alguém sabe quantos Km o 320 faz após acender a luz da gasolina?

  3. Claudio Bernucci disse:

    Boa tarde, meu amigo!
    Estou acompanhando seu blog há alguns dias e te parabenizo pela iniciativa. Se mais pessoas tivessem atitudes como a sua, o poder dos consumidores seria, com certeza, muito maior.
    Em tempo, fiquei louco pelo carrinho, mas ainda estou receoso. Em conversa com o vendedor Adriano da autorizada VM, relatei alguns dos problemas encontrados por você ao longo desses 2.000 kms. Porém, o vendedor informou desconhecer problemas como ar condicionado ineficaz em terras tupiniquins, ou rolamento roncando desde a aquisição do automóvel. Tenho certeza que os chineses vieram para ficar, mas se não tivermos por parte das concessionárias um atendimento diferenciado que nos deixe confiantes em adquirir um veículo da marca, talvez tenhamos que esperar a Lifan “virar” uma Hyundai, mas daí pagar o preço pela fama.
    Grande abraço!

    • Redação Gdh disse:

      Fala Claudio!
      Fico feliz de que meu blog está sendo útil, e que esta valendo a pena manter ele sempre atualizado.

      Quando adiquiri um carro recem chegado ao Brasil, e principalmente de uma marca pouco conhecida e de um pais que prega a venda em massa a cima da qualidade, sabia que nem tudo seria um mar de flores.

      Mas topei o desafio, também fiquei doido pelo carro quando vi, então resolvi adquiri e também acho que quem gostou dele deveria comprar um, porém é sempre bom estar muito ciente do que o carro pode oferecer.

      Quando cheguei na concessionária, ja tinha lido muito a respeito do Lifan 320, então disse ao vendedor que não era preciso me convencer sobre as qualidades do carro ou qualquer outra baboseira de venda, apenas me falasse a verdade em relação a consumo (não falou), peças de reposição, assistência, manutenção e etc, tendo isto em mãos sei até que ponto posso usar o carro.

      Sei que não estarei comprando uma sucata, e sim um bom carro, mas que apresenta visivelmente em alguns itens de baixa qualidade em acabamento e acessórios principalmente.

      O que me deixa com medo é que pessoas comprem este mesmo carro achando que estão comprando a 7ª maravilha do mundo, impulsionados por vendedores doidos para vender a qualquer custo, principalmente uam marca que sua principal divulgação é o boca a boca, pois não há muitos anuncios ou marketing em midia, e o que é importante de dizer e ser lembrado é que estão comprando um carro com uma qualidade talvez um pouco inferior aos nosso populares nacionais, só que com alguns mimos que os brasucas ainda não estão acostumados a ter, além de um visual descolado como todos já perceberam, fruto do estilo do irmão inglês.

      O que você disse é verdade, com certeza o futuro deles é serem iguais à um Hyundai ou Kia, mas quando isto acontecer o preço com certeza se elevará, a principio com certeza estarei com ele enquanto estiver em sua total garantia de fabrica, meses antes dela vencer, com certeza este carrinho estará a venda. afinal prevenir é melhor do que remediar… rs

  4. Chris disse:

    Oi Felippe,

    Eu estava curioso para saber se o consumo propagandeado pela Lifan poderia ser conseguido em condições normais de trânsito.

    Com certeza não ficarei ligando/desligando o ar condicionado no meu dia a dia normal.🙂

    Mas uma coisa que percebi é que o consumo sobe bem quando se usa o ar ligado o tempo todo.

    Por falar no ar condicionado… Ele não é muito potente para as condições especiais de calor desse verão que estamos vivendo no RJ. Perto dos 40 graus nos últimos dias. Se deixar o carro no Sol, por exemplo, custa muito para refrescar. Se o carro ficar estacionado na sombra e você sair para o Sol depois, até que o ar condicionado segura legal, mas não gela com a gente gosta.

    Voltando ao consumo, até que o carrinho é bem econômico comparando com os outros carros populares que temos disponíveis no mercado.

    [ ]s

    Chris.

  5. Chris disse:

    Tive mais sorte na minha primeira medição de consumo. Me deixou realmente de queixo caído! Sou do tipo que sempre teve caderninho de consumo no porta-luvas de todos os meus carros. Nunca abasteço sem anotar tudo. Medi num trânsito misto, onde peguei muitos trechos livres e alguns engarrafamentos do tipo, para-anda-para-anda, de quase 1 hora. Usei o ar condicionado, mas não o tempo todo. Tive o cuidado de desligar o ar quase todas as vezes em que arranquei com o carro, tipo parado em sinal, etc. Abasteci na mesma bomba do mesmo posto, até ver a gasolina na boca do tanque… Consumo ==> 19,84 km/l !!!! Custei a acreditar e até mandei o frentista tentar colocar mais gasolina, só que não entrou mais!

    • Redação Gdh disse:

      Q bom Chris!
      Mas a questão não é bem sorte… rs, Acho que o veículo tem que se comportar igualmente entre os seus iguais… ou seja o meu e o seu tem q funcionar parecido…

      Acho que o carro não tem que se otimizado ao extremo, apenas ser um carro normal igual aos outros, ou seja você anda com ele, ajusta conforme sua necessidades e pronto.
      Ja pensou como seria se todo mundo tivesse q ligar e desligar o ar toda vez q parasse no semaforo?… rs
      Estou fazendo mais medições para chegar a uma conclusão final, como esta sendo meus primeiros km com o carro, assim como deve ser o seu caso, ainda vamos chegar a diversas conclusões durante todo o ano.

      Mas espero sempre ter sua presença por aqui, é sempre bom termos várias opniões sobre o carro, isso vai ajudar bastante a descobrirmos se foi uma boa ou não a escolha em apostar nesta nova montadora.

      Grande Abraçoss!!!
      Felippe.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s